Termos bem próximos e parecidos entre si, se você não sabe ao certo o que é logo, logotipo e logomarca seja bem-vindo ao grupo.

Por serem incrivelmente semelhantes, acredite, muitas pessoas têm dúvidas sobre esses termos. E justamente para esclarecer o tema, neste post você encontra a definição de cada um dos três “logos”.

O que é logo?

Logo é o desenho, a parte gráfica da identidade visual de uma empresa, o ícone, símbolo ou representação que fica marcada diretamente na cabeça do seu público.

A criação do logo utiliza-se de inúmeros mecanismos que avaliam a receptividade do seu cliente, sua história e costume além da bagagem trazida pela própria marca. Repare que o logo de lojas infantis são colorias e alegres enquanto de joalherias refinados e discretos. Essa diferenciação se dá graças aos estudos, até mesmo psicológicos, que são responsáveis por motivar e gravar a imagem na memória do consumidor.

E logotipo?

Logotipo nada mais é do que toda a parte escrita do nome da sua marca. Em outras palavras, é a forma estilizada que deve ser simples, porém um pouco incomum, e ainda deve criar certa força para o negócio. Quer um exemplo? NIKE!
Nome simples de gravar na memória do público, marcante e que todo mundo sabe do que se trata e que, portanto, criou uma gigantesca força para essa indústria.

O nome NIKE é usado como referência em comerciais sendo por si só um ícone e isso independente da forma como estiver escrito já que a marca passou por várias modificações ao longo dos últimos anos seguindo os passos que posteriormente serão descritos.

Logomarca?

Muitos consideram o termo um neologismo, ou seja, uma palavra que foi inventada, abrasileirada, para a representação de uma nova forma de logotipo. Porém para que fique mais claro e de melhor entendimento o termo logomarca caracteriza-se pela junção do logotipo (nome) com o símbolo que caracteriza a marca ou empresa.

Gostou?

Referência: www.liguesite.com.br

Compartilhe: