Do que você precisa? Descanso ou inspiração?
Junte as duas coisas e faça sua próxima viagem já pensando em qual destes museus maravilhosos você vai visitar.
Algumas peças de comunicação, produtos e objetos são projetados com tanta genialidade que merecem ser expostos para todo mundo ver, para inspiração alheia dos novos (e antigos) profissionais da área.
Se você é designer, este artigo tem o objetivo de te dar uma mãozinha na escolha do seu próximo roteiro de férias.

1. Museu del Disseny, Barcelona
O museu de Design de Barcelona foi inaugurado em 2014. Os ambientes de exposição são divididos por categorias, como “artes decorativas”, “cerâmica”, “indumentária e têxtil” e “artes gráficas”. Além disso, o local possui biblioteca, cafeteria, espaço para pesquisa e exibições temporárias. O museu possui uma coleção de mais de 70 mil itens que datam da Idade Média até os tempos de hoje.

2. Design Museum, Londres
O museu fica localizado na High Street Kensington, a principal avenida comercial de Londres. A principal atração no último andar do museu é a exibição da coleção permanente “Designer Maker User“. São quase 1.000 objetos, vistos a partir das perspectivas de designer, fabricante e usuário.

3. Victoria and Albert Museum (V&A), Londres
O V&A foi fundado em 1852 e é reconhecido como o maior museu de arte decorativa e design do mundo, com uma coleção permanente superior a 4,5 milhões de objetos. Só de livros e impressos, são mais de 1 milhão e meio de itens!

4. Design Museum, Dinamarca
Fundado em 1890, o museu é de interesse de designers gráficos em geral, devido à sua coleção de rótulos, embalagens, livros, cartazes, capas de discos.

5. Bauhaus-Archiv, Berlim
O “Bauhaus Archive / Museum of Design” tem a maior coleção do mundo sobre a história da Bauhaus (1919-1933), a mais importante escola de arquitetura, design e arte do século XX.

6. Design Museum, Helsinki
O museu de design da cidade de Helsinki possui uma vasta coleção de itens que conta a história do design escandinavo. As primeiras obras foram obtidas em 1873, e hoje o acervo já conta com 75.000 objetos, 45.000 desenhos, 125.000 fotografias e o registro de 1.000 designers.

7. MOMA, Nova Iorque
Fundado em 1929 e destinou o primeiro departamento de curadoria do mundo voltado para arquitetura e design em 1932. Incluindo 28.000 obras que vão desde objetos de design em grande escala até obras em papel e modelos arquitetônicos, a coleção diversificada de arquitetura e design do Museu aborda grandes figuras e movimentos de meados do século XIX até o presente.

Compartilhe: