O ano de 2020 marca o começo de uma nova década, e chega ditando novas (ou velhas?) tendências em design. Este ano será, dizem os especialistas, uma miscelânia entre o vintage atualizado, o minimalismo e referências fortíssimas aos anos 80 e 90. Vamos conhecer o que vai estar em alta em se tratando de design neste e, talvez, nos próximos anos?

2. Gradientes

Os degradês fizeram sucesso, sumiram e agora estão de volta, mais populares do que nunca. Mas com uma roupagem nova, digamos. A transição de cores, uma das técnicas de gradiente, é mais moderna, mais suave e mais adequada ao design atual.

4. Bicromia

A técnica duotone, em que dois tons contrastantes são impressos um em cima do outro para criar uma imagem de duas cores, ganhou terreno também no mundo digital, principalmente com a infinidade de softwares de edição de imagens que tornam esse processo bem fácil.

5. Paletas inspiradas nos anos 80 e 90

Tons pastéis e cores berrantes não faltarão, principalmente se depender dos nascidos nessas décadas, que, tão elétricos quanto essas cores, são os novos designers e consumidores dos dias de hoje.

6. Movimento

Pequenas animações, ou micro interações, ajudam os usuários a executar determinada tarefa e dão a ele a sensação de estar realmente manipulando a interface. GIFs e SVGs são ótimos para isso e estão totalmente integrados ao ambiente virtual. Além disso, chamam muita atenção em ambiente virtual. Por isso, se tornaram tendência por conta própria.

7. Tipografia

Fontes artísticas, extravagantes e grandes, muito grandes. A tipografia será mais decorativa e artesanal, e até as fontes serifadas estarão de volta. Tudo muito experimental, o que é possível em ambiente digital graças à qualidade cada vez maior das telas.

9. Fotografia real

Autenticidade é a palavra de ordem para as fotografias. Fotos naturais, sem pose, sem filtro e sem tratamento estão de volta e são muito bem-vindas.

10. Vintage revisitado

O vintage é atemporal. Por ser rico em detalhes e um estilo super valorizado, tem sido cada vez mais aposta certeira para marcas que procuram se diferenciar no mercado, principalmente dos segmentos de bebidas, alimentos e higiene pessoal.

Compartilhe: